27/11/2017 18:49:12

NOVEMBRO AZUL

NOVEMBRO AZUL

Alunos do curso de Enfermagem realizam amostra sobre a Saúde do homem e o Novembro Azul Alunos do curso de Enfermagem realizam amostra nesta quinta (23) de novembro atividades em conscientização à saúde do homem, com foco nas ações preventivas. Como parte das atividades educativas inerente as disciplinas de Saúde Pública e Educação em Saúde, ministradas pela Enfa. Mse. Jayra Adrianna da Silva. A Campanha Novembro Azul intensifica neste mês a prevenção e o tratamento da saúde do homem, em especial contra o câncer de próstata. Em 17 de novembro é comemorado o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, segundo que mais mata homens no Brasil. No geral, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente em homens. Criada em 2011, a campanha, originalmente, visa orientar a população masculina sobre o câncer de próstata. A doença figura como o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens, com mais de 13 mil mortes anuais - uma a cada 40 minutos. Os homens são responsáveis por pelo menos seis de cada dez óbitos por doenças do aparelho circulatório e, no conjunto, esta é uma faixa etária em que a mortalidade masculina é pelo menos o dobro da feminina. No Brasil, a esperança de vida ao nascer já atingiu a média de 76,71 anos para as mulheres e 69,11 para os homens, um indicador cuja melhoria está ligada fundamentalmente à elevação da expectativa de vida dos homens. A atenção à saúde masculina é o grupo de 20 a 59 anos, o que permite uma ampla área de contato especialmente com as faixas etárias limítrofes (adolescentes, idosos) e com a população feminina. Ênfase predominante está reservada para o trabalho de prevenção, promoção e proteção básica à saúde, com fundamento no conceito mestre de que cada homem pode manter-se saudável em qualquer idade. Na amostra apresentada pelos alunos, houve a participação de colaboradores, docentes e acadêmicos que receberam informações e demonstrações sobre : Hanseníase, Tuberculose, Hábitos saudáveis, DST's, câncer de próstata e de pênis, alcoolismo e uso de drogas, Violências, acessibilidade e inclusão.


 
























Postado por: Assessoria de Imprensa

Comentários(0)

Escreva um comentário!

 


FAESF
FAESF