Gestão em Tempos de Crise

Gestão em Tempos de Crise

A economia brasileira não anda bem. O desemprego e a inflação têm aumentado, e as vendas em muitos setores estão caindo. Para se ter uma ideia, uma projeção feita pela ONU indica que o país terá uma retração de 1,5% do seu PIB em 2015. Portanto, não vivemos um cenário muito animador para o pequeno e médio empresário, certo? Não é bem assim.


Assim como muitas empresas nacionais estão perdendo dinheiro, outras tantas têm conseguido crescer, e até dobrar seu faturamento, mesmo neste período de crise. As estratégias delas incluem renegociar preços com seus fornecedores, diversificar produtos e investir em marketing, em um movimento contrário ao da maioria do mercado.


A s empresas que sobrevivem e superam períodos de crise,  investem em capacitação e desenvolvimento das competências dos seus empregados. Muitas são as estratégias a serem pensadas e colocadas em prática. Diante da competitividade dos negócios, o empresário deverá focar no seu mercado e atender a necessidade do seu clientes  através da oferta de produtos e serviços que satisfaçam a sua clientela/consumidor.


FAESF
FAESF